Página Inicial » Redes Sociais

Notícias

10/07/2002Karsten abandona gás e volta à lenha

VIVIANE ARAÚJO O alto custo do gás natural está levando as indústrias catarinenses a reduzir a utilização do combustível. Depois de ser a primeira indústria do Vale do Itajaí a aderir ao gás natural, em setembro de 2000, a Karsten voltará a usar lenha nas caldeiras a partir de outubro. O motivo é o alto custo do gás vindo da Bolívia. Pelos cálculos da empresa, o custo para produzir uma tonelada de vapor/hora com lenha é de R$ 15 e com gás natural, mais de R$ 40. O diretor de administração e finanças da SCGás, Roberto Bezerra Lima, disse que a empresa negocia com a Karsten. Ele encara a decisão da têxtil como um ajuste. "A empresa poderá retomar o uso mais tarde", disse. A direção da SCGás, em conjunto com distribuidoras, está negociando com os produtores a redução de 20% do preço. O reajuste de 5% na tarifa do gás natural - em vigor desde o início do mês - desistimulou ainda mais as indústrias. O presidente da SCGás, Luiz Gomes, explicou que a empresa está absorvendo as variações cambiais do custo de aquisição. O vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc), Alcântaro Corrêa, explicou que o setor está se mobilizando para eqüalizar a questão do preço. Embora o preço desagrade, o setor metal-mecânico vai receber o combustível.
Outras Notícias
Buscar por período:(dd/mm/aaaa) à

SCGÁS - Companhia de Gás de Santa Catarina

Rua Antônio Luz, 255 - Centro Empresarial Hoepcke - 88010-410 - Florianópolis - SC

Fone: (48) 3229-1200 • Emergência: 0800 48 5050Nota Legal